JAIME ARÔXA: Mais de 40 mil alunos já aprenderam com o mestre e muitos seguiram carreiras bem sucedidas.

Desde criança Jaime Arôxa já demonstrava grande aptidão artística para dançar. Nos anos 80, quando se mudou permanentemente de Recife para o Rio de Janeiro, conheceu a dança de salão através de sua primeira professora, Maria Antonieta . Já como profissional, Jaime criou seu próprio método de ensinar a dança de salão, destacando a expressão dos sentimentos e o uso do movimento.

Em 1985 Jaime abriu sua própria escola, pioneira no ensino de dança de salão em larga escala. Depois de apenas um ano a escola já tinha mais de 800 alunos, tornando-se oficialmente o “Centro Cultural e de Escola de Dança Jaime Arôxa”. O lugar ficou famoso como “um pequeno pedaço do paraíso no meio da selva de concreto carioca“.

Em 1995 idealizou e realizou o I Encontro Internacional de Dança de Salão, no Hotel Glória (RJ), com profissionais de dança do de diversas partes do mundo. O evento foi o início de um trabalho de atualização e aprimoramento de professores de dança. Hoje, seu Curso de Professores é realizado 2 vezes por ano, em janeiro e julho, com pessoas de todo o país que viajam até o Rio de Janeiro para aprender e aprimorar técnicas de ensino exclusivas desenvolvidas ao longo de sua carreira, focando temas como Condução e Contato, Musicalidade, Equilíbrio de Postura. Já em 1997 realizou o II Encontro Internacional, onde apresentou a dança competitiva trazendo um casal dinamarques campeão mundial de Ballroom Dancing.

Atualmente Jaime Arôxa é jurado do programa Dancing Brasil, produzido pela Endemol e exibido pela Rede Record, com apresentação de Xuxa. O programa estreou em 3 de abril de 2017 sendo exibido nas noites de segunda-feira.

Paralelamente à sua vida docente, Jaime Arôxa também dirige e coreografa shows, além de atuar em peças teatrais, filmes, programas de TV e shows internacionais. Fiel à sua “arte de renascer” e intensamente inspirado pelas relações humanas, seu trabalho está em constante evolução.